JFPB recebe mais de 9 mil processos físicos e eletrônicos em 2017

23/01/2018 às 09:23

A Justiça Federal na Paraíba (JFPB) recebeu, no ano passado, 9.509 processos (entre físicos e eletrônicos) e arquivou 7.461, nas Varas de João Pessoa, Campina Grande, Sousa, Monteiro, Guarabira e Patos. Os dados se referem ao balanço realizado pelo Núcleo Judiciário da JFPB, que apresenta, ainda, a quantidade de mandados registrados, das audiências de conciliação realizadas, entre outros serviços.

Foram 9.306 Processos Judiciais Eletrônicos (PJEs) e 203 físicos, recebidos entre abril e dezembro de 2017, período referente ao levantamento. Sobre as ações arquivadas, foram 4.206 eletrônicas e 3.255 físicas. “Arquivamos mais processos físicos do que recebemos, porque muitos dos arquivados são de anos anteriores. A tendência é de que, ao longo dos anos, recebamos apenas processos eletrônicos”, explicou o diretor do Núcleo Judiciário da JFPB, Ricardo Correia. Nos Juizados Especiais Federais (JEFs), foram realizados 781 atendimentos pelo Telejudiciário, 761 cadastros de advogados e 162 atermações.

Ceman e Contadoria

A Central de Mandados (Ceman) da JFPB recebeu ordem de cumprimento de 5.796 medidas pelo sistema Tebas, referente a processos físicos, e 7.168 mandados relacionados aos PJEs.  Já as Contadorias das Varas Comuns registraram a entrada de 645 processos eletrônicos e 323 físicos, e a saída de 608 ações eletrônicas e 317 físicas. Nos JEFs, foram realizados 2.661 cálculos e 817 atualizações. As Contadorias atuam nos casos de divergência ou questionamento dos cálculos apresentados pelas partes ou por determinação do juiz.

Cejusc

No Centro Judiciário de Solução Consensual de Conflitos e Cidadania (Cejusc), que também integra o Núcleo Judiciário da JFPB, foram realizadas, em 2017, 2.342 audiências de conciliação, sendo 1.479 com acordo. Os dados se referem aos meses de janeiro a dezembro.


Autor: Seção de Comunicação Social da JFPB - imprensa@jfpb.jus.br


 Imprimir