Justiça Federal da Paraíba tem maior produtividade em junho do que mesmo período do ano passado

07/07/2020 às 14:37

Balanço, divulgado nesta terça-feira (07), indica que os magistrados integrantes do órgão proferiram, no último mês, 20.904 atos judiciais

A Justiça Federal da Paraíba (JFPB) divulgou o balanço da produtividade do mês de junho e constatou que os magistrados integrantes do órgão proferiram 20.904 atos judiciais, sendo 10.595 despachos, 4.326 sentenças, 3.716 decisões e 2.267 acórdãos. No mesmo período do ano passado, foram registrados 9.773 despachos, 5.837 sentenças, 3.760 decisões e 1.334 acórdãos. Os dados foram extraídos da ferramenta Business Inteligente (BI), disponibilizada pelo Tribunal Federal da 5ª Região (TRF5).  

Para o diretor do Foro da JFPB, juiz federal Bruno Teixeira de Paiva, os números comprovam que, independentemente do regime de teletrabalho, magistrados, servidores, colaboradores e estagiários seguem empenhados em garantir o atendimento às partes da melhor forma, considerando o período de pandemia. “Sabemos que o momento é delicado, principalmente em relação à saúde da população mundial. Estamos procurando agir de maneira colaborativa, com medidas de prevenção e combate à Covid-19, e de forma incisiva na questão da rotina de trabalho, mesmo remotamente”, declarou.

A JFPB segue em teletrabalho desde a publicação do Ato 112/2020, da Presidência do TRF5, e da Portaria 167 da Direção do Foro da JFPB (que dispõem sobre as medidas de prevenção ao Covid-19). As medidas seguem as recomendações da Organização Mundial de Saúde (OMS) e do Ministério da Saúde para a restrição de contatos sociais durante a pandemia. A Seção Judiciária paraibana segue, ainda, as orientações contidas nas Resoluções nº 313/2020, nº 314/2020 e nº 318/2020, como também na Portaria nº 79/2020 do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), que disciplinam a atuação do Judiciário durante este período.

 

Autor: Seção de Comunicação Social da JFPB - imprensa@jfpb.jus.br


 Imprimir