Outubro Rosa: Fóruns da Justiça Federal na Paraíba entram na Campanha

08/10/2020 às 19:20

O Edifício-sede, em João Pessoa, e a Subseção Judiciária de Campina Grande já estão iluminados com tons de rosa

         Até o final do mês de outubro, a Justiça Federal na Paraíba (JFPB) estará iluminando com tons de rosa os fóruns “Juiz Federal Ridalvo Costa” e “Juiz Federal Nereu Santos”, localizados em João Pessoa e em Campina Grande, respectivamente, em apoio às ações do “Outubro Rosa”, voltadas ao diagnostico precoce do câncer de mama.

É o 10º ano consecutivo que o órgão adere à campanha, com a promoção de ações educativas. O objetivo da JFPB é compartilhar informações, facilitar a conscientização sobre a doença e contribuir para a redução da mortalidade.

De acordo com o Instituto Nacional de Câncer (INCA), a idade é um dos mais importantes fatores de risco para a doença (cerca de quatro em cada cinco registros ocorrem após os 50 anos), assim como outros pontos que aumentam as chances do seu desenvolvimento, a exemplo de excesso de peso, má alimentação, sedentarismo, tabagismo e consumo de bebida alcoólica.

Estima-se que, em 2020, 66.280 pessoas tenham descoberto o câncer de mama no Brasil e que ocorram 17.763 mortes em decorrência da doença. Medidas de prevenção são necessárias para reduzir os números dessa estatística, como praticar atividades físicas e evitar consumo de bebidas alcoólicas, além da amamentação, que também é considerada como fator preventivo.

A maior parte dos cânceres de mama é descoberta pelas próprias mulheres, no autoexame, por isso, é essencial o exame de rotina. Dentre os sinais e sintomas, estão: surgimento de caroço (nódulo), geralmente indolor; alteração no bico do peito; pequenos nódulos na região embaixo dos braços (axilas) ou no pescoço; pele da mama avermelhada, retraída ou parecida com casca de laranja; saída espontânea de líquido de um dos mamilos.

Autor: Seção de Comunicação Social da JFPB - imprensa@jfpb.jus.br


 Imprimir