Justiça Federal na Paraíba realiza 1ª Praça do Leilão Unificado no dia 10/11

04/11/2020 às 16:47

Hasta pública, que ocorrerá de forma eletrônica, envolverá bens penhorados nas 2ª, 5ª, 11ª e 12ª Varas

         A Justiça Federal na Paraíba (JFPB) realiza, no próximo dia 10/11, às 9h, a 1ª praça do Leilão Unificado deste ano, que teve seu cronograma alterado devido à pandemia do novo coronavírus. Na lista de bens a serem leiloados, estão itens das 5ª, 11ª e 12ª Varas (Execuções Fiscais), localizadas em João Pessoa, Monteiro e Guarabira, respectivamente. O leilão será realizado, exclusivamente, no formato eletrônico, por meio do site do leiloeiro cadastrado oficialmente junto à JFPB: www.leiloesmonteiro.com.br.

         Entre os itens presentes no edital da versão unificada, estão: apartamentos, casas, terrenos, prédios comerciais e industriais, automóveis, máquinas, equipamentos de informática, eletrodomésticos etc. A hasta pública unificada aconteceria nos dias 12/05 e 26/05 (sendo 1ª e 2ª praças), mas foi suspensa em virtude da Portaria nº 167/2020 da Direção do Foro, acerca das medidas preventivas com relação à pandemia. Com a modificação, só haverá um leilão conjunto neste ano, sendo o dia 10/11 a primeira data e 24/11 a segunda.

         Os leilões judiciais são realizados em duas datas (praças), sendo os bens penhorados nas execuções fiscais, na maioria dos casos, leiloados, tanto no primeiro como no segundo evento, por 50% do valor da avaliação. Já os bens apreendidos nas ações penais seguem a legislação específica quanto ao valor do lance ofertado. Os editais contendo os bens destinados aos leilões também podem ser conferidos no site www.jfpb.jus.br, no link “Leilão Eficaz”.

         2ª Vara Federal

         A 2ª Vara Federal, localizada em João Pessoa, realizará leilão dos bens penhorados na unidade no mesmo dia do Leilão Unificado. A hasta pública ocorrerá, a partir das 9h, de forma remota no endereço eletrônico do leiloeiro cadastrado junto à JFPB: www.leiloesmonteiro.com.br.  Na primeira praça, os bens poderão ser arrematados por preço não inferior a 100% do valor da avaliação. Já na segunda, no dia 24/11, será possível realizar lanços por preço não inferior a 50% do preço avaliado.

 

Autor: Seção de Comunicação Social da JFPB - imprensa@jfpb.jus.br


 Imprimir